Website oficial do Município de Pato Branco

Notícia

Projeto de internacionalização de Pato Branco já apresenta resultados

Reunião realizada na sexta-feira (14), pelo Irdes e Prefeitura de Pato Branco, reuniu lideranças na Casa da Indústria

Foi realizado na sexta-feira (14), na Casa da Indústria, o segundo encontro do White Duck Connection (WDC), projeto de internacionalização que visa intensificar a conectividade cultural, econômica, social e tecnológica de Pato Branco com outros países. A iniciativa é do Instituto Regional de Desenvolvimento Econômico e Social (Irdes), em parceria com a Prefeitura de Pato Branco. Participaram do evento: representantes de instituições de ensino, empresários, vereadores, o prefeito Augustinho Zucchi, entre outras lideranças e voluntários do projeto.

Na ocasião, Jin Bruno Petrycoski, do Irdes e, Mariza Medeiros, diretora do Departamento de Imprensa da Prefeitura de Pato Branco, que se integraram a uma comitiva de parlamentares e empresários, em dezembro do ano passado, em viagem para a Coreia do Sul, compartilharam as principais experiências obtidas, oportunidade em que estreitaram laços de relações internacionais e criaram possibilidades de intercâmbio econômico e social.

Entre as principais conquistas: a proximidade com o embaixador do Brasil na Coreia, Luis Henrique Lopes; com o cônsul João Pires; e com o professor Soleiman Dias: brasileiro, que há 20 anos atua como diretor de uma das mais importantes escolas particulares do mundo. Nas relações comerciais, a apresentação de projeto de recuperação de aterro sanitário, da empresa sul-coreana Forcebel – referência mundial na reciclagem de lixo, que poderá tornar Pato Branco modelo para todo o Brasil.

“Estamos trazendo as principais experiências que tivemos na Coreia do Sul e entendo que temos condições de aplicar, de imediato, algumas vivências e ficar monitorando novas oportunidades, para que essa relação se fortaleça ainda mais. Observamos, que mesmo a Coreia sendo referência em tecnologia e inovação, Pato Branco está alinhada com muitas das práticas que vimos, o que nos deixa felizes e com a certeza de que estamos no caminho certo”, ressaltou Mariza.

Para Jin, o encontro cumpriu seu objetivo de apresentar o progresso que o WDC está tendo. “A viagem foi de muitas prospecções, de oportunidades econômicas, diplomáticas e socioculturais, que terão desdobramentos ao longo das atividades do projeto. São tecnologias incríveis e um conhecimento cultural fantástico, que agregará não apenas para Pato Branco, mas para toda a região”, disse.

O prefeito Augustinho Zucchi salientou que o projeto de internacionalização é um caminho sem volta, evidenciando a necessidade da troca de experiências com outros países e de um segundo idioma. “O avanço de um local se dá pelo capital humano e grau de visão das pessoas. Precisamos trabalhar o desenvolvimento cultural e contarmos com o comprometimento de todos para alcançarmos patamares maiores. É preciso responsabilidade e conscientização para que essas ações sejam executadas”, enfatizou.

O secretário municipal de Ciência, Tecnologia e Inovação, Géri Natalino Dutra, apontou que estabelecer novos canais de contato com outros países é de extrema relevância. “O mundo de hoje exige essa integração de tecnologia e precisamos fortalecer cada vez mais esses contatos. Neste primeiro momento já começamos a perceber os resultados do esforço do poder público e das entidades. Pato Branco hoje já é referência para outras cidades no Brasil, mas temos muito a aprender e evoluir com outros países”, ressaltou.

O presidente do Irdes, Cláudio Petrycoski, destacou também que a reunião foi positiva e demonstrou que há muito a ser aprendido com outros países. “O projeto está atendendo as expectativas e muitas ações já estão sendo desenvolvidas. Queremos internacionalizar Pato Branco e bons exemplos estão sendo observados para que sejam pontes para novos negócios, novas aplicações e para a transformação social”, salientou.

Próximos passos

A partir de agora, acontecerão encontros semanais do WDC com representantes das entidades da sociedade civil. No dia 15 de março será realizado um encontro inovador voltado à educação, com a presença de pais e alunos, fruto de uma das ações do projeto de internacionalização.

FAÇA UM COMENTÁRIO

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  • Ainda não existem comentários